Embaixada de Portugal na Roménia

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Estimativas para 2015 e previsões para 2016

O Banco de Portugal prevê um crescimento anual do PIB de 1,6% para 2015 e 1,7% em 2016. O FMI e a OCDE prevêem uma taxa de crescimento ligeiramente inferior. Para o FMI, o PIB crescerá 1,6% em 2015 e 1,5% em 2016, prevendo uma tendência de desaceleração (menos 0,1% por ano) até 2019 e 2020, com o PIB a crescer 1,2% em cada período. A OCDE prevê um crescimento homólogo de 1,69% em 2015 e 1,6% em 2016, enquanto que a Comissão Europeia se mostra mais otimista e prevê um crescimento superior ao do Banco de Portugal, de 1,7% para 2015 e 2016. Quanto à inflação, o Banco de Portugal prevê uma taxa de inflação média de 0,6% para 2015, e 1,1% e 1,6% em 2016 e 2017, respetivamente. As restantes três instituições mantêm as suas previsões para a inflação em valores inferiores. A OCDE estima 0,548% para 2015 e 0,653% para 2016. Quanto à taxa de desemprego, esta deverá diminuir. As três instituições internacionais mostram-se concordantes na sua trajetória decrescente, com valores de 12,6% indicado pela CE, 12,3% pela OCDE e 12,27% pelo FMI para 2015 e 11,7% pela CE, 11,33% pelo FMI e 11,3% pela OCDE, para 2016.
Estimativas e Previsões
 
Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail